USP
Universidade de São Paulo

Comemoração do centenário do Professor Paschoal Senise

Paschoal Ernesto Américo Senise, professor emérito da USP, integrou a primeira turma de químicos formados pela universidade em 1937. Foi pioneiro em métodos instrumentais de análise química e teve participação decisiva na estruturação do atual sistema de pós-graduação da USP, implantado pela reforma universitária de 1969. Eleito primeiro diretor do IQ-USP em 1970 e exercendo posteriormente um segundo mandato, foi um dos principais responsáveis pela consolidação da instituição.

Após a aposentadoria compulsória aos 70 anos de idade, continuou a participar ativamente da vida acadêmica do IQ e da USP. Com o seu falecimento, em 21/07/2011, o Instituto tornou-se responsável pelo seu acervo pessoal, de inestimável valor histórico, doado pela família Senise.

O fato incentivou a criação do Centro de Memória do IQ-USP, que tem a finalidade de “selecionar, organizar, preservar e divulgar documentos e materiais a respeito da história da Química e Bioquímica na Universidade de São Paulo, promovendo pesquisa relacionada à memória da Química e Bioquímica na USP”.

No portal do Centro de Memória [link], é possível consultar parte do acervo do professor Paschoal Senise, dentre imagens e documentos relacionados a ele e também às memórias do IQ e da USP. Os eventos associados à vida do Professor estão organizados em uma cronologia ilustrada e documentada [link].

Em agosto de 2017, o IQ-USP comemora o centenário do nascimento de Paschoal Senise, professor, pesquisador, administrador, conselheiro, cuja vida universitária se confunde com a própria história da instituição que ajudou a construir.