USP
Universidade de São Paulo

Renato Sanches Freire

Professor Associado - Departamento de Química Fundamental
Química Ambiental
3091-1495 
 rsfreire@iq.usp.br

Processos químicos catalíticos para a degradação de poluentes

O aumento inadvertido na produção e utilização de produtos químicos tem causado problemas de poluição ambiental de maneira generalizada em praticamente todas as partes do mundo. Devido a crescente escassez nas fontes hídricas potáveis, muitos esforços têm sido realizados buscando desenvolver tecnologias capazes de minimizar a quantidade e a toxicidade dos resíduos. Atualmente, o estudo de novas alternativas para o tratamento das inúmeras espécies químicas poluentes despejadas no ambiente continua sendo uma das principais armas para combater/minimizar os efeitos da contaminação antropogênica. Os processos mais eficazes, denominados por Processos Oxidativos Avançados (POA), têm servido de alternativa para tratamento de compostos orgânicos recalcitrantes. Os POA são baseados na geração do radical hidroxila (.OH) que tem um alto poder oxidante e pode promover a degradação de vários compostos poluentes em poucos minutos. 
O grupo também busca o desenvolvimento de sensores empregando anticorpos imobilizados sobre superfícies de ouro (imunossensores). O interesse em desenvolver imunossensores está relacionado com a detecção de macromoléculas, como, por exemplo, proteínas diversas, DNA, hormônios e fármacos, que podem despertar interesse do ponto de vista ambiental e/ou de saúde pública. Dentre estes compostos, podem ser destacados os interferentes endócrinos, os produtos farmacêuticos e os de higiene pessoal, denominados, genericamente de poluentes emergentes. Estes compostos, em sua maioria, não são degradados pelos métodos convencionais de tratamento (processos biológicos), sendo assim, mesmo após passagem pelas estações de tratamento, continuam livres no meio, podendo atingir as águas para abastecimento humano. Devido ao uso de anticorpos, os imunossensores têm demonstrado alta seletividade e sensibilidade, podendo ser empregados em métodos analíticos quase específicos para a determinação de compostos alvos.

 

Produção Científica

Currículo (Sistema Lattes - CNPq)

Currículo (Sistema Researcher ID)